quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Torcedor do Athletico perde a mão ao soltar sinalizador em embarque do time

Torcedor teve a mão dilacerada ao acender artefato na tarde desta terça-feira, em Curitiba  — Foto: RPC/Reprodução
Um torcedor do Athletico, que acompanhava o embarque do time para Porto Alegre, na tarde desta terça-feira, perdeu a mão ao acender um sinalizador, de acordo com a Polícia Militar (PM).

Segundo a polícia, um grupo de torcedores esperava o ônibus do time no Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na região de Curitiba, quando o rapaz acendeu o artefato que acabou explodindo na mão dele.

O rapaz, identificado como Wesley Pontes, foi levado para o Hospital São José. A unidade informou que ele passava por uma cirurgia no início da noite desta terça.

terça-feira, 17 de setembro de 2019

Champions League na área: veja cinco motivos para acompanhar o primeiro dia da fase de grupos

Champions League na área: veja cinco motivos para acompanhar o primeiro dia da fase de grupos
A fase de grupos da Liga dos Campeões começa nesta terça-feira. Promessa de gols, muita emoção e desfile de craques em campo. Quatro grupos (do E ao H) terão jogos no dia, e o GloboEsporte.com listou cinco motivos para você não perder qualquer detalhe. Vamos acompanhar três jogos em Tempo Real, e um deles marca a estreia de um treinador brasileiro na competição.

Guia da Liga dos Campeões 2019/20
LYON DE SYLVINHO
O Brasil será representado no banco de reservas pelo único treinador brasileiro na fase de grupos: Sylvinho, do Lyon, que pega o Zenit. O início de temporada deixou o torcedor empolgado, foram duas goleadas nas duas primeiras rodadas do Campeonato Francês: 3 a 0 no Monaco, e 6 a 0 no Angers. Depois, em mais três jogos foram três tropeços (uma derrota e dois empates).

Sylvinho durante coletiva de imprensa no Lyon — Foto: Divulgação/Lyon
Sylvinho durante coletiva de imprensa no Lyon — Foto: Divulgação/Lyon

- Eu já trabalhei muito, fiz uma Copa do Mundo como assistente. Como técnico principal é diferente, mas estou preparado para isso. A pressão é normal, o objetivo é fazer uma boa partida - disse Sylvinho em coletiva de imprensa.

A partida entre Lyon e Zenit, pelo Grupo G da Liga dos Campeões, começa às 13h55 (de Brasília) desta terça-feira. O GloboEsporte.com acompanha em tempo real.


ANSU FATI
Joia do Barcelona, com apenas de 16 anos se tornou o jogador mais jovem a marcar e dar assistência em jogos do Campeonato Espanhol na goleada por 5 a 2 sobre o Valencia. E pode bater outros recordes nesta terça-feira contra o Borussia Dortmund, fora de casa, pelo Grupo F.
Fati comemora o primeiro gol do Barça sobre o Valencia — Foto: REUTERS/Albert Gea

Fati comemora o primeiro gol do Barça sobre o Valencia — Foto: REUTERS/Albert Gea

Se entrar em campo, Fati será o jogador mais jovem da história do Barcelona a jogar a competição. Além disso, se fizer um gol, será o mais jovem a balançar a rede da Champions League. Quem é dono desse recorde é o ganês Peter Ofori-Quaye. Em 1997/98, pelo Olympique, ele marcou quando tinha 17 anos.

Borussia Dortmund e Barcelona se enfrentam nesta terça-feira a partir de 16h (de Brasília), e o GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real.

CAMPEÃO NA ÁREA
Quando a bola rolar na Itália, o Liverpool inicia sua defesa pelo título da Liga dos Campeões contra o Napoli, em jogo válido pelo Grupo E. A expectativa nos Reds é enorme, um brasileiro é tratado como destaque da equipe: Firmino. Artilheiro, o atacante também vem se destacando como garçom, deu duas assistências na vitória por 3 a 1 sobre o Newcastle, pelo Campeonato Inglês, uma delas de letra. Nesta terça-feira, ele completa 200 jogos pelos Reds.

- É uma honra chegar aos 200 jogos com a camisa de um dos maiores clubes do futebol mundial. Sou muito feliz e bem tratado aqui, o carinho de todos no clube e dos torcedores é impressionante, e isso sempre fez a diferença para mim e para a minha família. E poder completar essa marca pessoal justamente na estreia da Champions, no ano em que defenderemos o título, é especial - disse Firmino.

O jogo entre Napoli e Liverpool terá bola rolando a partir de 16h (de Brasília). O GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real.
Firmino e Mané durante Liverpool x Newcastle — Foto: Reuters

Firmino e Mané durante Liverpool x Newcastle — Foto: Reuters

SENSAÇÃO DA ITÁLIA
A temporada da Itália está apenas começando, a liga nacional tem três rodadas disputadas. Mas só um time tem 100% de aproveitamento, trata-se da Internazionale. Nesta terça-feira, a equipe começa sua caminhada no Gripo F da Liga dos Campeões. O adversário será o Slavia Praga.


É uma oportunidade e tanto, jogando em casa, para os atacantes Lukaku e Alexis Sánchez. A dupla foi contratada nesta temporada. O belga marcou dois gols em três partidas, enquanto o chileno só tem um jogo pelo time de Milão e ainda não balançou a rede.

JOGO BONITO
Uma das sensações da Liga dos Campeões na temporada passada, o Ajax volta a disputar a fase de grupos nesta terça-feira. Em casa, o time recebe o Lille, é favorito e busca fazer os três pontos para não se complicar em uma chave que ainda tem Chelsea e Valencia.

Huntelaar comemora gol com a camisa do Ajax — Foto: Reprodução/Twitter
Huntelaar comemora gol com a camisa do Ajax — Foto: Reprodução/Twitter

O time lidera o Campeonato Holandês, mas perdeu nomes importantes que foram destaques na campanha da temporada passada. O zagueiro De Ligt trocou Amsterdã por Turim, hoje brilha com a camisa da Juventus. Já o meia De Jong foi viver no Barça um pouco das histórias de ícones holandeses com o clube catalão.

Flamengo intensifica negociação com outro volante colombiano para substituir Cuéllar

Fredy Guarín com a camisa da Inter de Milão — Foto: Getty Images
O Flamengo já gastou dezenas de milhões em contratações este ano, mas quer mais. Sem sucesso na tentativa de trazer um centroavante, o clube segue em busca de um reforço para outra posição apontada como carente por Jorge Jesus, especialmente após a saída do colombiano Cuéllar. O clube da Gávea tenta a contratação de outro colombiano, o volante Fredy Guarín, de 33 anos.
O jogador está sem contrato desde que deixou o Shanghai Shenhua, da China, e teve seu nome aprovado pelo técnico português. Os dois se conheceram durante a passagem do volante pelo Porto. O Míster, porém, nunca treinou o jogador, somente o teve como adversário.
O Flamengo tenta intensificar as negociações para poder inscrever o atleta antes do fim do prazo para a semifinal da Libertadores, contra o Grêmio, no dia 2 de outubro. O "deadline" é 72 horas antes da partida. Apesar de ele estar livre no mercado, os valores são considerados altos, e as partes tentam encontrar um denominador comum.
O colombiano tem ao menos uma boa oferta em mãos de um outro clube estrangeiro, mas apenas para começar a atuar em janeiro, o que pode se tornar um trunfo para o Rubro-Negro, que ainda disputa dois títulos este ano. A preocupação da diretoria é com a forma do atleta, que tem feito apenas trabalhos físicos com um personal.


Guarín tem 1,83 de altura, e disputou a Copa do Mundo de 2014 no Brasil com a seleção colombiana. Ele tem ainda em seu currículo uma passagem de quatro temporadas pela Inter de Milão. Uma de suas características mais marcantes é a potência nos chutes de longa distância.
Obafemi Martins e Fredy Guarín na partida entre Guizhou Zhicheng e Shanghai Shenhua — Foto: sina.com

TAS reduz de três para dois jogos a suspensão de Neymar na Liga dos Campeões

O Paris Saint-Germain poderá contar com Neymar na terceira rodada da Liga dos Campeões. O Tribunal de Arbitragem do Esporte (TAS) anunciou na manhã desta terça-feira que reduziu para dois jogos a suspensão do craque brasileiro na Champions. Desta forma, o treinador Thomas Tuchel terá o astro à disposição para o duelo com o Club Brugge, na Bélgica, dia 22 de outubro.

Guia da Liga dos Campeões 2019/20
Neymar no treino do Paris Saint-Germain — Foto: REUTERS/Benoit Tessier
Neymar no treino do Paris Saint-Germain — Foto: REUTERS/Benoit Tessier

Champions na área: cinco motivos para acompanhar o primeiro dia da fase de grupos
Neymar foi punido pela Uefa em abril passado porque fez um post em suas redes sociais com críticas à arbitragem na derrota do PSG por 3 a 1 para o Manchester United, no jogo de volta que determinou a eliminação nas oitavas de final da Champions. A suspensão era a mais longa que o craque poderia receber e só podia ser cumprida em competições organizadas pela confederação europeia.
Post de Neymar em que reclama da arbitragem por pênalti marcado contra o PSG, em março passado — Foto: Reprodução/Instagram

Post de Neymar em que reclama da arbitragem por pênalti marcado contra o PSG, em março passado — Foto: Reprodução/Instagram


Integrante do Grupo A, o Paris Saint-Germain inicia sua trajetória na Champions nesta quarta-feira, quando receberá o Real Madrid, no Parc des Princes. Na sequência, vai à Turquia enfrentar o Galatasaray no dia 1º de outubro. Reforçado pelo craque, visita o Brugge.

quinta-feira, 12 de setembro de 2019

Organizada do Cruzeiro protesta na Toca, pede saída de jogadores e oferece cachaça como "prêmio"

Organizada do Cruzeiro protesta na Toca, pede saída de jogadores e oferece cachaça como
Pelo segundo dia consecutivo uma das torcidas organizadas do Cruzeiro protestou na porta da Toca da Raposa. No início da tarde desta quarta-feira, alguns torcedores que integram a Máfia Azul compareceram na porta do centro de treinamentos para cobrar atletas e a cúpula cruzeirense pelo momento que a equipe celeste encara dentro e fora das quatros linhas. Com o alerta de rebaixamento ligado no Brasileirão e eliminado das Copas Libertadores e do Brasil, o Cruzeiro sofre com falta de receitas, salários atrasados e investigações da Polícia Federal.

Com faixas com dizeres que pedem a saída de jogadores e dirigentes, e que declaram apoio ao treinador Rogério Ceni, os torcedores entoaram gritos de ordem na porta da Toca da Raposa, onde o Cruzeiro treina na tarde desta quarta-feira. O grupo "ofereceu" garrafas de cachaça como prêmios a alguns jogadores e à diretoria, caso eles deixem o clube. Os atletas citados foram Thiago Neves, Edilson, Egídio, Robinho, Henrique, Pedro Rocha, Ariel Cabral e Jadson. A faixa dizia:

- Thiago Neves, Edilson, Egídio, Robinho, Henrique, Pedro Rocha, Ariel Cabral e Jadson some (sic) do Cruzeiro junto com essa diretoria que está levando o time do Cruzeiro para as páginas policias. Prêmio para vocês: 11 garrafas de cachaça que está (sic) aqui.

Torcedores do Cruzeiro colocam garrafas de cachaça na porta da Toca da Raposa em protesto — Foto: Diogo Finelli
Torcedores do Cruzeiro colocam garrafas de cachaça na porta da Toca da Raposa em protesto — Foto: Diogo Finelli

Na noite dessa terça-feira, o presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, divulgou um vídeo na internet garantindo apoio ao treinador Rogério Ceni e disparando ataque aos opositores.

Faixas são afixadas em novo protesto na porta da Toca da Raposa — Foto: Isamara Fernandes/GloboEsporte.com
Faixas são afixadas em novo protesto na porta da Toca da Raposa — Foto: Isamara Fernandes/GloboEsporte.com
Torcida declara apoio a Rogério Ceni em manifestação na Toca da Raposa — Foto: Isamara Fernandes/GloboEsporte.com

Torcida declara apoio a Rogério Ceni em manifestação na Toca da Raposa — Foto: Isamara Fernandes/GloboEsporte.com

Protestos começaram no domingo
A crise entre torcida e clube começou ainda com o Cruzeiro em campo, no domingo. Na goleada sofrida para o Grêmio, por 4 a 1, pelo Brasileirão, torcedores chegaram a arremessar pipocas no gramado, chamaram o time de "sem vergonha" e vaiaram jogadores como Thiago Neves, David e Edilson. Após a partida, a Polícia Militar precisou fazer um cordão de isolamento para garantir a segurança na saída da delegação cruzeirense, por conta de manifestações da torcida.

Na segunda-feira, uma das torcidas organizadas do Cruzeiro protestou contra a diretoria em frente à sede administrativa. À noite, torcedores manifestaram em frente à casa do vice-presidente de futebol Itair Machado. Ele, Wagner Pires de Sá e Sérgio Nonato são os mais questionados entre os dirigentes.

Nessa terça, Belo Horizonte amanheceu com faixas pedindo a saída do trio. À tarde, integrantes da Máfia Azul foram à porta da Toca da Raposa protestar e conversar com jogadores, mas apenas Egídio parou para conversar. Um grupo de torcidas organizadas conversou com os goleiros Fábio e Rafael, com o zagueiro Léo e com o volante Henrique, líderes do elenco.

Dirigentes se reúnem com presidente da Câmara para debater projeto de clube-empresa

Dirigentes se reúnem com presidente da Câmara para debater projeto de clube-empresa
Dirigentes de 14 clubes (seis da Série A) se reuniram com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), nesta quarta-feira, em Brasília, para debater o projeto de lei (PL) que cria incentivos para que os clubes possam se tornar empresas.

A proposta, de autoria do deputado federal Pedro Paulo (DEM-RJ), possibilita que times de futebol – hoje associações sem fins lucrativos – se tornem sociedades anônimas ou limitadas, passando a ter sócios investidores e podendo, inclusive, ofertar ações na Bolsa de Valores. O texto final ainda está em fase de formatação para começar a tramitar na Câmara. Caso aprovado, segue para o Senado, onde o senador Romário foi escolhido com relator.
Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Na reunião, os representantes dos clubes debateram pontos do projeto com os congressistas. Dentre os principais questionamentos da proposta base, está a previsão cobranças de impostos regulares a todas as agremiações de futebol – independente de se tornarem empresas ou não. Atualmente, os clubes são isentos do pagamento de Confins, Contribuição Social Sobre Lucro Líquido (CLSS), PIS e Imposto de Renda (IR).

Além disso, os cartolas aproveitaram o encontro para reiterar ao Governo a necessidade de um novo refinanciamento das dívidas tributárias dos times – uma espécie de novo Profut, programa de 2015. A questão é tratada no texto base do projeto de lei escrito por Pedro Paulo, que prevê um refinanciamento de dívida com redução de 50% dos juros e pagamento em 240 parcelas. Nesse caso, o plano de pagamento teria de ser apresentado à Justiça e aos credores.

Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, foi um dos cartolas presentes na reunião em Brasília — Foto: Alexandre Vidal/Flamengo
Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, foi um dos cartolas presentes na reunião em Brasília — Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Outro ponto importante do projeto é o possível fim dos direitos trabalhistas dos atletas, uma vez que, caso a proposta seja aprovada, atletas com salário acima de R$ 10 mil mensais não precisarão mais ter registro na carteira de trabalho, bastando um contrato entre clube e atleta, de acordo com o Código Civil. Na reunião, os dirigentes comemoraram a sugestão, alegando que os encargos trabalhistas são a principal razão da dívida atual dos clubes brasileiros.

Botafogo é o grande interessado no projeto
Participaram da reunião na residência oficial da Câmara representantes do Flamengo, Corinthians, Santos, Athletico-PR, Cruzeiro, Botafogo, Ponte Preta, Atlético-GO, Vila Nova-GO, Bragantino-SP, Ferroviária-SP, Botafogo-SP, São Bento-SP e Gama-DF.
Nelson Mufarrej, presidente do Botafogo, é um dos interessados na aprovação do projeto de lei — Foto: Fred Gomes

Nelson Mufarrej, presidente do Botafogo, é um dos interessados na aprovação do projeto de lei — Foto: Fred Gomes

O Botafogo foi o único dos 14 clubes a mandar dois dirigentes: o presidente do time, Nelson Mufarrej, e o vice-presidente de marketing, Ricardo Rotenberg. Com salários atrasados e dívidas que ultrapassam a casa dos R$ 750 milhões, o Alvinegro possui um estudo avançado para modificar o modelo de gestão.

– O Botafogo também está já fazendo seu projeto que vai ser acoplado caso passe esse projeto do clube-empresa. Então, ficamos muito contentes e vamos torcer pra que isso aconteça logo este ano. É muito importante para todos os clubes – disse Mufarrej, o único a falar com a imprensa após a reunião.

A expectativa de Mufarrej e dos dirigentes favoráveis ao projeto de lei – até agora, apenas Flamengo e Corinthians se declararam contra – é que a proposta comece a tramitar no Congresso no máximo até o fim de setembro.

Os clubes têm pressa por conta da Reforma da Previdência – prestes a ser votada no Senado. Isso porque o texto da proposta proíbe o governo de conceder refinanciamentos de dívidas com prazos superiores a 60 meses.

Revelado pelo São Paulo, zagueiro Lucão acerta com Clube da Série A

Lucão reforçará o Goiás no Campeonato Brasileiro — Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net
Revelado pelo São Paulo, o zagueiro Lucão, de 23 anos, está acertado com o Goiás para o restante da temporada. Ele estava no Estoril, de Portugal, e ainda não jogou em 2019.

No São Paulo, Lucão trabalhou justamente com o técnico Ney Franco, atual comandante do Verdão.

A nova contratação esmeraldina, que tem passagens pelas seleções de base do Brasil, chega para compor o elenco.

Recentemente o Goiás perdeu os também zagueiros David Duarte e Yago, que se machucaram e não jogam mais em 2019.

terça-feira, 10 de setembro de 2019

Marlos faz primeiro gol pela seleção da Ucrânia e comemora: "Tem um significado especial"

Marlos ganhou a nacionalidade ucraniana nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, mas teve pouco tempo para ajudar o país que acabou fora da disputa. Agora, nas eliminatórias para a Eurocopa de 2020, o jogador tem motivo de sobras para comemorar. Marcou seu primeiro gol pela equipe nacional na vitória por 3 a 0 sobre a Lituânia pelo Grupo B, deixando os ucranianos (e ele) em situação bem confortável.

Marlos comemora primeiro gol pela Ucrânia — Foto: Reprodução/Shakhtar
Marlos comemora primeiro gol pela Ucrânia — Foto: Reprodução/Shakhtar

- Esse gol tem um significado especial para mim. Nasci em São José dos Pinhais, no Paraná. Amo a minha cidade, amo o Brasil e tenho muito respeito por todos, mas posso afirmar que tenho o coração dividido. Já me sinto metade ucraniano, afinal de contas, são mais de sete anos e meio vivendo no país. Eu, minha esposa e os meus filhos sempre fomos muito bem tratados e gostamos muito daqui. Então, para mim, é um enorme prazer vestir a camisa da seleção e ajudar o país nesse projeto esportivo - disse.

Com a vitória fora de casa no sábado passado, a Ucrânia soma 13 pontos em cinco rodadas no Grupo B das eliminatórias para a Eurocopa-2020. A segunda colocação é de Portugal, com cinco pontos em três jogos. Os dois primeiros colocados conseguem vagas direitas no torneio. Marlos acredita no sonho que é jogar a competição continental:

- Fico feliz por retribuir o carinho e a confiança que sempre recebi de todos os ucranianos. Permanecemos invictos nas eliminatórias e temos que seguir conquistando bons resultados para alcançar o nosso objetivo, que é a classificação para a Eurocopa.

Matheus Cunha brilha, e Brasil vence Chile em novo teste da Seleção sub-23

Matheus Cunha comemora gol em amistoso contra o Chile
100% nos amistosos
O Brasil iniciou muito bem a corrida pelo sonho de disputar as Olimpíadas de 2020, em Tóquio. A seleção brasileira sub-23 venceu bem o Chile por 3 a 1, na noite desta segunda-feira, no Pacaembu, e encerrou com 100% de aproveitamento a série de amistosos sob comando de André Jardine – já havia vencido a Colômbia por 2 a 0, na quinta-feira passada. Matheus Cunha, jogador do RB Leipzig, comandou a noite: fez dois gols e deu assistência para o terceiro, um golaço de Antony. Dávila, de pênalti, descontou para o Chile, num jogo aberto, agradável de se ver e que teve até alguma confusão no fim. Lyanco e Ibacache foram expulsos,
Próximos passos
A Seleção voltará a se reunir em outubro (para dois amistosos no Brasil) e novembro (em um torneio em Tenerife, na Espanha, com Argentina, Estados Unidos e Chile). O Pré-Olímpico acontece em janeiro, na Colômbia, onde as vagas olímpicas serão decididas.
Cena fofa da noite
No alambrado do Pacaembu, o menino Felipe ganhou uma recordação especial: o par de chuteiras de Guilherme Arana. Substituído no segundo tempo, o lateral-esquerdo da Atalanta presenteou o garoto assim que deixou o campo. "Agora ele é meu ídolo principal", derreteu-se Felipe; "Espero que ele faça muitos gols com essa chuteira", brincou Arana.

Primeiro tempo
O Brasil teve um bom início de primeiro tempo no Pacaembu. Artilheiro do time, Matheus Cunha perdeu chance clara aos 11 minutos após boa jogada de Guilherme Arana. Dois minutos depois, porém, redimiu-se ao aproveitar jogada construída por Pedrinho, antecipar-se ao zagueiro e bater na saída do goleiro. Aos poucos, porém, a equipe chilena foi crescendo no jogo, com destaque especial para o seu camisa 10, Dávila. Foi dele, aliás, o chute que bateu no braço de Lyanco e ocasionou o pênalti para a equipe do Chile. Ele mesmo bateu e empatou a partida. Nos minutos finais, o goleiro Cleiton, do Atlético-MG, fez duas defesas e levou a igualdade ao vestiário.

Segundo tempo
Jogando melhor, o Brasil deslanchou, viu o Chile se retrair e construiu a vitória com tranquilidade. Sempre atento à saída de bola rival, Matheus Cunha aproveitou erro de Suazo e completou para o gol aos seis minutos. Pouco depois, aos 17, o mesmo Matheus encontrou Antony, e o atacante do São Paulo fez lindo gol por cobertura. Depois, Jardine fez experiências no ataque, lançando nomes como Artur e Arthur Cabral – bastou administrar o resultado. O jogo só ficou quente com a confusão no fim e uma matada no peito do goleiro Cleiton, que tirou onda após uma bola lançada do Chile.

Saem clubes, entram empresas: entenda o que pode mudar no futebol brasileiro ainda em 2019

Rodrigo Maia, presidente da Câmara. O político visitou a CBF e o São Paulo e tem se movimentado para emplacar o clube-empresa — Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Está em curso um processo que vai mudar para sempre o futebol brasileiro. Governo federal, Senado, Câmara dos Deputados, CBF, federações estaduais, clubes, todos os atores poderosos trabalham para, de alguma maneira, permitir que os clubes de futebol se transformem em empresas. No lugar da associação sem fins lucrativos, modelo adotado por quase todos no país hoje, entrariam as sociedades anônimas ou limitadas.

Há duas ressalvas importantes a fazer antes de continuar. A primeira é que a mudança pode se dar apenas para que tudo continue como está. A segunda é que os envolvidos na discussão não chegaram a um consenso sobre qual é o melhor caminho.


A única certeza, por enquanto, é que o governo não deve obrigar ninguém a mudar. Deve, sim, haver estímulos. A postura é diferente da época da Lei Pelé (1998), em que a legislação tentou forçar a transformação, mas acabou sendo alterada após uma série de insucessos. As semelhanças param por aqui. Hoje há pelo menos três grupos com propostas diferentes para promover a mudança.

O deputado federal Pedro Paulo (DEM-RJ) se tornou o principal expoente do projeto que nascerá na Câmara dos Deputados – com apoio do presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Há expectativa de que seu projeto de lei, ainda a ser apresentado formalmente, seja votado na Câmara durante o mês de outubro.

No Senado, está em tramitação o Projeto de Lei do Senado 68/2017, que institui a Lei Geral do Esporte e regulamenta por tabela a criação de uma sociedade anônima específica para o esporte. Parado há dois anos, o projeto despertou interesse recente dos senadores e ex-atletas Romário (Podemos-RJ) e Leila (PSB-RJ) para que voltasse a avançar.

Ainda há o interesse do governo federal. O ministro da Economia, Paulo Guedes, escalou seu assessor especial Guilherme Afif Domingos para cuidar do tema. A pasta acompanha o desenrolar dos projetos que partem do Congresso, mas tem algumas ideias próprias – e divergentes – em relação aos demais.

O GloboEsporte.com teve acesso a detalhes de cada um dos projetos e elenca, abaixo, as principais características de cada proposta.

Ainda é incerto que tipo de consequência a mudança na legislação terá nos clubes. Há os que já se movimentam, como o Botafogo, os que estão preparados para a novidade, como o Athletico-PR, e os que não querem mudar – como Corinthians e Flamengo. O impacto da mudança nos clubes será explicado em outra reportagem, a publicar nesta semana.
Pedro Paulo, deputado federal — Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Pedro Paulo, deputado federal — Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O projeto da Câmara
O deputado federal Pedro Paulo possui um projeto chamado “Clube empresa”, formulado em setembro, que deverá ser apresentado para votação na Câmara entre 24 de setembro e 2 de outubro.

“O presidente Rodrigo Maia identificou isso como um tema prioritário, importante para o futebol brasileiro. Estamos fazendo um esforço concentrado para construir uma proposta de profissionalização dos clubes”, diz Pedro Paulo
O parlamentar entende que clubes não devem ser obrigados a se tornar empresas e defende que não deve existir uma sociedade anônima específica para o futebol ou para o esporte – como consta nas propostas formuladas pela equipe de Guilherme Afif Domingos e no Senado.

Pedro Paulo pretende estimular a migração de clubes para o modelo empresarial nas opções já existentes, como companhia limitada e sociedade anônima. Para que isso aconteça, o deputado quer oferecer uma série de benefícios.

Recuperação judicial
Hoje, empresas só podem entrar em estado de recuperação judicial caso tenham exercício regular em suas atividades por pelo menos dois anos. A ideia é que clubes de futebol possam entrar neste processo imediatamente após a migração para uma estrutura empresarial.

As regras formuladas pelo deputado permitiriam que um clube possa transferir todas as suas dívidas da associação para a empresa. A partir daí, as dívidas poderiam ser reestruturadas por meio do mecanismo da recuperação judicial, que já funciona para empresas convencionais.

Em resumo, clubes que entrarem em recuperação terão todos os bloqueios e penhoras suspensos por seis meses. Neste período, precisarão trabalhar em um Plano Global de Recuperação Judicial a ser submetido a credores como ex-funcionários e fornecedores.

Na prática, este mecanismo permite que haja um calote de grande parte da dívida, desde que os credores aceitem o plano proposto pela empresa. Entre não ter expectativa de receber o dinheiro que lhes é devido e recebê-lo dentro do prazo proposto pelo plano global, credores costumam perdoar entre 50% até mais de 90% dos valores devidos em recuperações judiciais. O restante poderia ser amortizado a prazo.

Novo refinanciamento de dívidas fiscais
Dívidas fiscais não poderão ser incluídas em processos de recuperação judicial. Neste caso, Pedro Paulo pretende aliviar as situações dos clubes com um percentual superior de reduções. Enquanto o Profut, em vigor, permitiu o abatimento de até 40% dos juros sobre as dívidas, a proposta aumentaria este percentual para 50%.

Em contrapartida, os clubes que aderirem a este refinanciamento por meio de suas empresas precisariam pagar antecipadamente cinco parcelas, equivalentes a 15% da dívida consolidada por meio do refinanciamento. As agremiações que optaram pelo Profut em 2015 não precisaram fazer um pagamento deste tipo após a entrada.

O deputado propõe um alongamento pelo mesmo prazo que o Profut, de 20 anos, para que os clubes consigam quitar impostos não pagos.

Fundo Garantidor para clubes quebrados
Pedro Paulo pretende criar um fundo que será abastecido por todos os clubes do país, com um percentual sobre o faturamento, cujo dinheiro poderá ser usado para resgatar clubes em “insolvência irreversível”.

Caso o mecanismo seja colocado em prática, todos os clubes da primeira divisão, por exemplo, precisariam dedicar um percentual mínimo de suas receitas para salvar aqueles que estão prestes a falir em escalões mais baixos – ou mesmo na primeira divisão.

“O presidente Rodrigo Maia quer uma proposta bem rápida. Até porque já tem muito conhecimento acumulado no tema. Vamos fazer uma grande audiência na Câmara, acreditamos que o presidente Bolsonaro vai apoiar o tema”, afirma Pedro Paulo ao GloboEsporte.com
Fim dos direitos trabalhistas para jogadores
O deputado federal propõe a “hiperssuficiência” de jogadores de futebol em relação aos seus direitos trabalhistas.

Hiperssuficiência, neste caso, significa que o jogador poderá assinar um contrato com o clube em questão sem que tenha direitos trabalhistas garantidos por ele. Ele se submeteria a uma relação cível e receberia apenas direitos de imagem, por exemplo.

Pedro Paulo pretende restringir esta situação a atletas com salários superiores a R$ 10 mil mensais, hoje equivalentes a cerca de 2,5% sobre todos os profissionais registrados pela CBF. Aqueles jogadores abaixo desta quantia continuariam a ter direitos trabalhistas obrigatórios.

Esta seria uma mudança em relação a algo que a reforma trabalhista mexeu recentemente. Depois dela, passou a ser permitido que profissionais de quaisquer setores possam abdicar do vínculo trabalhista caso cumpram dois requisitos: diploma universitário e remuneração superior a duas vezes o limite máximo dos benefícios do Regime Geral de Previdência Social (RGPS) – hoje limitado em R$ 11.600 mensais. Pedro Paulo quer eliminar a necessidade de diploma para o futebol.

Equiparação da tributação entre associações e empresas
Hoje, não há nada que impeça um clube de futebol de deixar o modelo de associação e entrar no de empresa – limitada ou sociedade anônima. Mas há um motivo contrário. Há impostos que são parcial ou totalmente isentos para associações que são cobrados de companhias.

Para estimular a migração para a estrutura empresarial, Pedro Paulo pretende aplicar todos esses impostos sobre associações sem fins lucrativos. A nota de corte seria um faturamento de R$ 5 milhões anuais. Todas as associações acima disso seriam tributadas, independentemente de se tornarem empresas limitadas ou S/As.

Duplicação do mecanismo de solidariedade
No projeto do deputado federal, clubes passariam a destinar até 10% de transferências nacionais para os respectivos formadores. O percentual aumenta conforme o número de anos em que o atleta passou pelas categorias de base do formador. Hoje, o limite é de 5%.

Romário, senador — Foto: Jane de Araújo/Agência Senado
Romário, senador — Foto: Jane de Araújo/Agência Senado

O projeto do Senado
O Projeto de Lei do Senado 68/2017 não foi criado especificamente para a Sociedade Anônima Esportiva (SAE) – e sim voltado para instituir a Lei Geral do Desporto, mais abrangente. Mas o surgimento desta estrutura societária foi incluído entre os seus artigos.

A SAE é muito semelhante ao que projeto de lei que havia sido proposto por Otávio Leite, deputado federal entre 2014 e 2018, que propunha a Sociedade Anônima do Futebol (SAF). A diferença é que a adaptação proposta pelo Senado expande as regras para qualquer agremiação.

O texto deste projeto não versa sobre benefícios específicos aos clubes que se tornarem empresas, como perdão de dívidas ou a entrada facilitada em uma recuperação judicial. Em vez disso, a SAE apenas põe regras estruturais para que associações façam a migração para ela.

Direitos de ações classe A
O projeto prevê, por exemplo, a possibilidade de um acionista ter poder de veto em determinadas situações desde que mantenha pelo menos 10% de ações “classe A”.

Hipoteticamente, uma associação com 10% das ações sobre a sociedade anônima esportiva teria poder para vetar mudanças de cidades, escudos, símbolos, cores, além de medidas drásticas como pedido de falência ou recuperação judicial, mesmo que outros acionistas tenham 90% das ações desta classe. Isso para resguardar a tradição neste formato.

Veto a acionista com mais de uma SAE
Para evitar que Flamengo e Vasco tenham o mesmo dono, por exemplo, o projeto prevê a proibição da participação de um mesmo acionista sobre o capital social de duas SAEs. A medida é pensada para evitar conflitos de interesses e manipulação de resultados.

Administração profissional
A SAE deve ser administrada por um Conselho de Administração (uma espécie de Conselho Deliberativo, em alusão à estrutura da associação sem fins lucrativos) e uma Diretoria. O primeiro órgão tem o dever de nomear diretores e acompanhar seus objetivos e trabalhos.

O projeto prevê algumas obrigações, como a comunicação anual da relação completa de seus administradores, a dedicação exclusiva dos administradores à gestão da SAE, bem como a obrigação de pelo menos metade do Conselho de Administração independente enquanto a associação esportiva, tradicional, for a única acionista das ações da S/A.
Paulo Guedes, ministro da Economia — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Paulo Guedes, ministro da Economia — Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O projeto do Executivo
O projeto tem sido preparado por uma equipe liderada pelo empresário Guilherme Afif Domingos, assessor especial do Ministério da Economia, encabeçado pelo ministro Paulo Guedes. De acordo com o próprio Afif, o projeto deverá se chamar “Choque de bola”.

“No futebol, nós exportamos matéria-prima e importamos produto de alto valor agregado. É como no café: nós exportamos grãos e importamos máquinas e cápsulas”, diz Afif
É o que mais se assemelha ao projeto de lei que havia sido proposto pelo então deputado Otávio Leite (PSDB-RJ) em 2016. O projeto não avançou, e o parlamentar não foi reeleito.

Em síntese, este grupo pretende criar uma estrutura societária alternativa para clubes de futebol, cujo nome provisório é Sociedade Anônima do Futebol (SAF). O movimento seria similar ao adotado por países como Portugal, que criou a Sociedade Anônima Desportiva (SAD) para que clubes fossem estimulados a se tornar empresas.

Assim como no caso da SAE, a SAF não tem como propósito o benefício das empresas em processos de recuperação judicial ou perdão de dívidas. A intenção, no caso, é criar uma estrutura societária própria para clubes de futebol, que resguarde particularidades deste mercado que não estão presentes em outras regulamentações.

“Fui envolvido nisso porque o Paulo Guedes me pediu. O futebol é um grande mercado, há bilhões de reais que estamos deixando escapar”, afirma Guilherme Afif Domingos
As características presentes na SAE também estão entre as premissas da SAF, motivo pelo qual os itens não serão repetidos. Outra diferença, este sim um benefício para quem aderir à estrutura, é a criação de um prazo de transição para o pagamento de impostos.

Prazo de transição para pagamento de impostos
Atualmente, associações sem fins lucrativos possuem isenções sobre uma série de impostos da qual empresas estão obrigadas a pagar. Entre eles estão o Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ), a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), o Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins).

Para estimular a adoção da estrutura societária de empresa futebolística, a SAF teria um prazo de transição em que os clubes teriam tempo para adequar seus negócios aos impostos. Em vez de pagar 100% dos tributos previstos logo no primeiro ano, haveria um prazo de dez anos em que o percentual subiria gradualmente, ano após ano, até chegar ao máximo.

Goleiro de Curaçao morre na concentração em Porto Príncipe antes de partida contra Haiti

Goleiro de Curaçao morre na concentração em Porto Príncipe antes de partida contra Haiti
Uma tragédia abalou o futebol da América Central e Caribe nesta segunda-feira. O goleiro reserva da seleção de Curaçao, Jarzinho Pieter, de 31 anos, morreu após sofrer um infarto, na concentração da equipe, em um hotel de Porto Príncipe, no Haiti. A equipe caribenha enfrenta, nesta terça-feira, os haitianos pela Liga das Nações da Concacaf.

A confirmação da morte veio por meio do ministro da Juventude, Esportes e Ação Cívica do Haiti, Charles Edwing. Em seu perfil no Twitter, ele postou imagens da ambulância que esteve presente no hotel onde a delegação de Curaçao estava e confirmou que Jarzinho foi vítima de um ataque cardíaco.

terça-feira, 3 de setembro de 2019

Palmeiras anuncia a contratação do técnico Mano Menezes

Palmeiras anuncia a contratação do técnico Mano Menezes
O Palmeiras fechou com Mano Menezes. O técnico será o substituto do demitido Felipão. Recém desligado do Cruzeiro, onde foi bicampeão da Copa do Brasil, o treinador aceitou a proposta da diretoria do Verdão na manhã desta terça-feira.

O vínculo de Mano com o Palmeiras será válido até o fim de 2021. Além do treinador, chegam ao clube o auxiliar Sidnei Lobo e o preparador físico Eduardo Silva, conhecido como Dudu.


Mano Menezes já tinha sido alvo do Palmeiras em 2017, ao final da segunda passagem de Cuca. As partes chegaram a negociar à época, mas o treinador não foi liberado e renovou com o Cruzeiro.

Do time mineiro, aliás, Mano foi demitido no início de agosto, depois de uma única vitória em 18 jogos. Em duas passagens pelo clube mineiro, porém, conquistou dois títulos da Copa do Brasil (2017 e 2018) e dois títulos mineiros (2018 e 2019).

Muito por conta do trabalho do técnico à frente do Corinthians (entre 2008 e 2010, além de 2014), a hashtag #ManoNao rapidamente se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter.

Pelo arquirrival do Palmeiras, ele foi campeão paulista (2009), da Série B do Campeonato Brasileiro (2008) e da Copa do Brasil (2009).

Martelo batido: Wilson viaja nesta terça para assinar por empréstimo com Clube da Série A

Martelo batido: Wilson viaja nesta terça para assinar por empréstimo com o Atlético-MG
Foram pelo menos duas semanas de conversas para enfim chegar a um acordo nesta segunda-feira. O martelo foi batido, e o goleiro Wilson viaja nesta terça-feira pela manhã para assinar um contrato de empréstimo com o Atlético Mineiro. Na reserva de Muralha, no Brasileiro da Série B, o jogador estava desde 2015 no Coritiba e era um dos ídolos do clube.

A reportagem apurou que o goleiro recebeu o primeiro contato da direção do Galo há duas semanas, e o staff do atleta passou a negociar os termos da transferência, que estão nos detalhes finais. O time mineiro irá pagar o salário integrar do atleta.

Wilson tem contrato com o Coritiba até o final de 2020 e a princípio volta ao time no ano que vem. Pelo alviverde foram 210 jogos e 10 gols marcados. Wilson foi o capitão da equipe nos últimos anos, assumindo um papel de liderança nos momentos mais complicados do clube.

No Atlético Mineiro, Wilson vai disputar a posição com Victor, que está se recuperando de lesão, e Cleiton.

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Felipão é demitido do Palmeiras

Felipão não é mais o técnico do Palmeiras. No início da noite desta segunda-feira, o clube se reuniu optou pela demissão da atual comissão técnica, contratada em agosto do ano passado e que conquistou o Brasileirão de 2018.

A pressão nos bastidores do clube aumentou após os resultados negativos recentes. Na terça-feira, o Verdão foi eliminado pelo Grêmio na Libertadores, enquanto o time palmeirense perdeu por 3 a 0 pelo Flamengo no último domingo, pelo Brasileirão.

Felipão e Paulo Turra, treinador e auxiliar do Palmeiras, no jogo contra o Flamengo — Foto: Cesar Greco/Palmeiras
Felipão e Paulo Turra, treinador e auxiliar do Palmeiras, no jogo contra o Flamengo — Foto: Cesar Greco/Palmeiras

A derrota no Rio de Janeiro fez o Palmeiras aumentar para sete rodadas a sequência de jogos sem vitória no torneio nacional. Líder antes da Copa América, os alviverdes caíram para a sexta colocação.

Grêmio segura Everton e Luan para decisões e deve sair ileso em último dia da janela

Grêmio segura Everton e Luan para decisões e deve sair ileso em último dia da janela
O Grêmio abre uma semana decisiva com dúvidas na equipe para o duelo da volta com o Athletico-PR pela semifinal da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, às 19h, na Arena da Baixada. Mas esta segunda-feira servirá para o Tricolor dissipar qualquer incerteza sobre as permanências de Everton e Luan para as decisões que terá pela frente também pela Libertadores.

Até o fim desta noite, os principais mercados europeus estarão fechados para transferências. À medida que as horas passam e o período para negócios internacionais escorre em seus minutos finais, o "fico" de Cebolinha e do camisa 7 é apenas questão de formalidade.

Até porque o prazo praticamente inviabiliza a conclusão de um negócio. Há menos de 24 horas para que uma proposta oficial seja apresentada, aceita pelo Grêmio e tenha o desfecho esperado para uma negociação internacional.

A janela fecha hoje para:
Alemanha
França
Itália
Espanha
Everton garante que fica no Grêmio

A janela de transferências abriu com uma saída que parecia iminente, mera questão de horas após o brilho de Everton na Copa América. As consultas chegaram aos montes, e os interessados se multiplicavam. Mas os dias passaram, a pedida gremista assustou, e as propostas quase não apareceram na mesa do presidente Romildo Bolzan Júnior.

Este enredo resume a permanência de Cebolinha no Grêmio para a disputa das fases finais da Copa do Brasil e da Libertadores. O próprio atacante indicou o seu "fico" no Tricolor após o empate em 0 a 0 com o São Paulo no último sábado.

"Espero que sim (fica no Grêmio). Tenho desejo de conquistar títulos aqui ainda, estamos bem perto. Espero que possa realizar esse sonho mais ainda" (Everton)
No apagar das luzes, o Milan foi o último – e um dos únicos – a tentar sua contratação. Na última sexta-feira, o diretor de futebol Paolo Maldini enviou uma proposta de cerca de 30 milhões de euros (R$ 136 milhões) divididos em duas parcelas ao Grêmio. A oferta foi recusada.
Everton marcou um dos gols contra o Palmeiras — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Everton marcou um dos gols contra o Palmeiras — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Antes do clube italiano, apenas o Beijing Guoan, da China, formalizou oferta pelo atleta. O clube chinês queria o empréstimo do atacante, mediante pagamento de cinco milhões de euros e uma opção de compra de 39 milhões de euros ao final deste período. O Grêmio também não aceitou o negócio.

O Atlético de Madrid foi outro que contatou a diretoria gremista, mas as tratativas não avançaram além desse ponto. O presidente Romildo Bolzan chegou a falar em fazer o "maior negócio de todos os tempos" com a venda de Cebolinha. O problema é que o clube tem apenas 50% dos direitos do atleta – o restante é dividido entre o empresário Gilmar Veloz (30%), o investidor Celso Rigo (10%) e o Fortaleza (10%).

E Luan?
O nome de Luan também ganhou holofote na reta final da janela, trabalhado pelo novo empresário responsável por gerir a carreira do atleta, Paulo Pitombeira. O primeiro clube a fazer contatos pelo camisa 7 foi o Atalanta, da Itália.

Os italianos abriram conversas com a diretoria gremista e enviaram até um observador para ver o atacante de perto no empate em 1 a 1 com o Palmeiras, pelo Brasileirão. Mas o negócio não evoluiu para proposta oficial.

Luan em ação contra o Athletico, pelo Brasileirão — Foto: Reuters
Luan em ação contra o Athletico, pelo Brasileirão — Foto: Reuters

O Eintracht Frankfurt, da Alemanha, e o PSV, da Holanda, também iniciaram contatos e analisaram os números pretendidos pelo Tricolor – na casa dos 15 milhões de euros. Na Europa, Pitombeira gerenciou os contatos pelo gremista por lá.

A Roma, da Itália, também sinalizou com uma cifra de 8 milhões de euros (R$ 36,5 milhões). Algo negado por Renato Gaúcho na entrevista coletiva após o empate com o São Paulo.

De volta a Porto Alegre após uma semana em São Paulo, o elenco gremista se reapresenta para trabalhos na tarde desta segunda-feira. Luan e Everton estarão lá para retomar os treinamentos.

O Grêmio enfrenta o Athletico-PR na próxima quarta-feira, às 19h, na Arena da Baixada, pelo jogo da volta da semifinal da Copa do Brasil. O Tricolor venceu a ida por 2 a 0 e pode até perder por um gol de diferença que avança à final.

São Paulo libera, e zagueiro Morato viaja a Portugal para assinar com Benfica

O São Paulo liberou o zagueiro Morato neste sábado para viajar a Portugal e assinar contrato com o Benfica. O Tricolor receberá cerca de seis milhões de euros (R$ 27,3 milhões na cotação atual) pela transação e ficará com 15% de uma futura venda do jogador.

Morato, de apenas 18 anos, ainda não atuou pela equipe profissional do São Paulo, mas é visto no clube como uma das grandes promessas das categorias de base. Neste ano, ele treinou com o time principal e até foi relacionado por Cuca.
Morato (de colete azul) em treino do São Paulo — Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net

Morato (de colete azul) em treino do São Paulo — Foto: Érico Leonan / saopaulofc.net

Neste sábado, o zagueiro não foi escalado para a partida contra o Botafogo-SP, pelo Campeonato Paulista sub-20, e já se despediu dos companheiros de equipe.


A venda dele ajuda o São Paulo a equilibrar as contas, sobretudo depois de investimentos pesados no futebol, como as chegadas de Alexandre Pato, Daniel Alves e Juanfran.

O clube precisa vender jogadores para fazer dinheiro e não enfraquecer o elenco perdendo peças titulares em meio à disputa das primeiras posições do Brasileirão.

Morato já se despediu dos companheiros no São Paulo — Foto: Reprodução
Morato já se despediu dos companheiros no São Paulo — Foto: Reprodução

No início da semana, o São Paulo conseguiu segurar o lateral-esquerdo Reinaldo, que tinha proposta do Al-Ahli, da Arábia Saudita. O jogador negocia a renovação de contrato com o Tricolor.

Fluminense chega a acordo para venda de Pedro à Fiorentina

Fluminense chega a acordo para venda de Pedro à Fiorentina

O Fluminense chegou a um acordo para a venda de Pedro para a Fiorentina, da Itália. O acerto foi alcançado na noite deste sábado em reunião entre a direção tricolor e estafe do atacante de 22 anos. A informação do acordo foi dada inicialmente pelo jornalista italiano Gianluca di Marzio e confirmada pelo GloboEsporte.com. Um representante do atleta na Europa fez o contato direto com o clube italiano. O Bordeaux corria por fora na briga. Um agente do jogador, inclusive, esteve na França nesta sexta-feira.

Para a concretização da transferência, ainda é preciso que Pedro siga para a Europa para fazer exames médicos e assinar contrato de cinco anos - a duração do vínculo foi noticiada pelo NetFlu e confirmada pela reportagem. Pedro embarca neste domingo para a Itália.

Ainda não há a confirmação dos valores da negociação. Mas o GloboEsporte.com apurou que o Fluminense aceitou reduzir o desejo inicial de € 15 milhões em troca da manutenção de um percentual dos direitos econômicos. O Tricolor detinha 50% dos direitos econômicos do atacante, enquanto o Artsul, clube-empresa de Nova Iguaçu-RJ, tinha direito à outra metade.

Pedro treinou neste sábado no CT do Fluminense — Foto: Lucas Merçon
Pedro treinou neste sábado no CT do Fluminense — Foto: Lucas Merçon

O acerto aconteceu na noite de sábado, após reunião entre o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, dirigentes tricolores, o empresário de Pedro e o representante da Artsul, que detém metade dos direitos econômicos do atacante. O NetFlu revelou em primeira mão uma imagem do encontro, realizado em um hotel na Barra da Tijuca.

Celso Barros não esteve presente. O vice-presidente do clube resistiu à saída do atacante em razão do prejuízo técnico em um momento que o clube encontra-se na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Reunião entre dirigentes do Fluminense e empresários de Pedro selou venda — Foto: Reprodução Reunião entre dirigentes do Fluminense e empresários de Pedro selou venda — Foto: Reprodução
Reunião entre dirigentes do Fluminense e empresários de Pedro selou venda — Foto: Reprodução

Pedro não esteve em campo na eliminação do Fluminense para o Corinthians, na noite da última quinta-feira, pela Sul-Americana. O camisa 9 está em fase final de recuperação de uma lesão na coxa direita. Nesta semana, começou os trabalhos no campo. Ele chegou a treinar no CT do clube neste sábado.

Em junho deste ano, o Flamengo chegou a oferecer € 10 milhões por 70% dos direitos econômicos do atacante, mas o presidente Mário Bittencourt foi irredutível em não negociar o atacante com o arquirrival.

No ano passado, o então mandatário Pedro Abad chegou a recusar quatro propostas pelo jogador, duas do Bordeaux-FRA (€ 8,5 milhões e € 12 milhões) e duas do Monterrey-MEX (€ 15 milhões e € 20 milhões). Na época, havia uma venda encaminhada para o Real Madrid por € 18 milhões + bônus de performance, que acabou não concretizada em razão da lesão no joelho que afastou o jogador dos campos por oito meses.

Revelado pelo Fluminense, Pedro subiu aos profissionais em 2016 e teve como grande temporada o ano de 2018, quando foi artilheiro do time, virou ídolo da torcida e chegou a ser convocado para a seleção brasileira - mas acabou cortado em razão da lesão.

O camisa 9 retornou aos gramados este ano e disputou 14 jogos pelo Tricolor, marcando cinco gols. Participou também da conquista do Torneio de Toulon pela seleção olímpica. Caso a negociação seja concretizada, sua última partida com a camisa do Flu terá sido contra o Atlético-MG, pela 14ª rodada do Brasileirão. Ao todo, o atacante disputou 93 partidas pelo Tricolor e anotou 31 gols. Pelo clube, conquistou a Primeira Liga (2016), a Taça Guanabara (2017) e a Taça Rio (2018).

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Barcelona cai em grupo com Borussia Dortmund e Inter de Milão, e Real enfrenta o PSG

Barcelona cai em grupo com Borussia Dortmund e Inter de Milão, e Real enfrenta o PSG
Foram sorteados nesta quinta-feira os grupos da Liga dos Campeões 2019/20. Não há exatamente aquele que possa ser chamado de "Grupo da Morte", mas ao menos uma reunião de três forças no F, com Barcelona, Borussia Dortmund e Inter de Milão.

No Grupo A, o Real Madrid enfrentará o Paris Saint-Germain. O atual campeão Liverpool reencontrará o Napoli, que quase o eliminou na última edição.

Participaram do sorteio os ex-jogadores Petr Cech e Wesley Sneijder numa cerimônia que também premiou os melhores jogadores da última temporada. Alisson ganhou entre os goleiros, Van Dijk entre os defensores, De Jong entre os meio-campistas e Messi entre os atacantes. Para melhor jogadora venceu a inglesa Lucy Bronze. Van Dijk foi o melhor jogador.

Alisson desbanca Lloris e Ter Stegen
Van Dijk supera Messi e Cristiano Ronaldo
Veja como foi toda a cerimônia
Em relação à temporada passada, o Manchester City voltará a enfrentar o Shakhtar (no Grupo C), o Barcelona pega de novo a Inter de Milão (no F), e o Liverpool, como já citado anteriormente, duela contra o Napoli (pelo E).

A fase de grupos começa no dia 17 de setembro. A final está marcada para 30 de maio, em Istambul.

Sneijder durante o sorteio da fase de grupos — Foto: Reuters
Sneijder durante o sorteio da fase de grupos — Foto: Reuters


Veja como ficaram todos os oito grupos abaixo:

GRUPO A
Paris Saint-Germain
Real Madrid
Club Brugge
Galatasaray

GRUPO B
Bayern
Tottenham
Olympiacos
Estrela Vermelha

GRUPO C
Manchester City
Shakhtar
Dínamo Zagreb
Atalanta

GRUPO D
Juventus
Atlético de Madrid
Bayer Leverkusen
Lokomotiv Moscou

GRUPO E
Liverpool
Napoli
RB Salzburg
Genk

GRUPO F
Barcelona
Borussia Dortmund
Inter de Milão
Slavia Praga

GRUPO G
Zenit
Benfica
Lyon
RB Leipzig

GRUPO H
Chelsea
Ajax
Valencia
Lille

Pintou o Melhor do Mundo:Saiba os Escolhidos no Geral

Van Dijk supera Messi e leva prêmio de melhor jogador da Europa na última temporada
No primeiro confronto entre Messi e Van Dijk pelos prêmios da última temporada, o holandês levou a melhor. O zagueiro do Liverpool superou o favoritismo do camisa 10 do Barcelona e conquistou o troféu de melhor jogador da Europa em 2018/19, concedido pela Uefa em cerimônia nesta quinta-feira, em Mônaco.

Van Dijk leva o prêmio de melhor jogador da Europa — Foto: Getty Images
Van Dijk leva o prêmio de melhor jogador da Europa — Foto: Getty Images

Ao ter seu nome anunciado, enquanto estava sentado ao lado de Messi e Cristiano, Van Dijk não escondeu a surpresa. E fez questão de agradecer a todos que fizeram parte de sua carreira ao receber o troféu, que pela primeira vez foi conquistado por um zagueiro.

- Eu preciso agradecer a meus companheiros, sem eles e a comissão técnica, eu não conseguiria. Tem sido uma longa caminhada, faz parte da minha jornada. Quando eu tinha oito anos, tive que trabalhar muito, estou muito feliz. Estou muito orgulhoso de receber este troféu, e dou crédito a todo mundo que me ajudou nesta caminhada.

Barcelona cai em grupo com Borussia Dortmund e Inter de Milão, e Real enfrenta o PSG
Van Dijk ao lado de Messi e Cristiano Ronaldo — Foto: Getty Images
Van Dijk ao lado de Messi e Cristiano Ronaldo — Foto: Getty Images


O holandês, então, disse que um brasileiro foi uma grande referência durante a sua infância e acabou o auxiliando a chegar onde está hoje.

"Eu olhava muito para o Ronaldinho quando garoto. A alegria dele, os truques. Jogando na rua, era uma referência. Mas todos que me ajudaram até agora, e todos que ainda vão me ajudar... Sou muito grato a eles".
Van Dijk foi considerado um dos principais nomes do Liverpool na campanha de conquista da Liga dos Campeões na última temporada. Chefe da defesa dos Reds, o holandês também apareceu no ataque em momentos importantes e ostentou a estatística de não ter levado um drible sequer durante a Champions.

Van Dijk era um estreante na briga pelo principal troféu concedido pela Uefa, que foi criado em 2010 e ficou nas mãos da dupla Cristiano Ronaldo-Messi em cinco de suas nove edições. Esta foi a primeira vez que tanto o português como o argentino não levam a premiação em dois anos consecutivos - no ano passado, quem levou foi Modric. O maior vencedor segue sendo Cristiano Ronaldo, com três troféus.

O top-10:

Van Dijk - 305 pontos
Messi - 207 pontos
Cristiano Ronaldo - 74 pontos
Mané - 51 pontos
Salah - 49 pontos
Hazard - 38 pontos
De Ligt - 27 pontos
De Jong - 27 pontos
Sterling - 12 pontos
A lista de vencedores do prêmio:

2010/11 - Messi (Barcelona)
2011/12 - Iniesta (Barcelona)
2012/13 - Ribéry (Bayern de Munique)
2013/14 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
2014/15 - Messi (Barcelona)
2015/16 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
2016/17 - Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
2017/18 - Modric (Real Madrid)
2018/19 - Van Dijk (Liverpool)
Lucy Bronze é eleita a melhor jogadora
Entre as mulheres, a vencedora foi uma inglesa: a defensora Lucy Bronze, que superou a concorrência de duas companheiras de Lyon: a norueguesa Ada Hegerberg e a francesa Amandine Henry. Lucy Bronze se destacou na campanha que levou a equipe francesa a conquistar a quarta Liga dos Campeões consecutiva.

A defensora não esteve na cerimônia em Mônaco, nesta quinta-feira, por conta de compromissos com a seleção inglesa. Ela enviou um vídeo agradecendo a escolha.

- Tivemos uma temporada fantástica, conquistando o título. Eu acho que qualquer uma das minhas companheiras poderia estar recebendo este troféu hoje - disse Lucy.

Vem grupo da morte aí? Sorteio da Liga dos Campeões acontece nesta quinta; veja os potes

Vem grupo da morte aí? Sorteio da Liga dos Campeões acontece nesta quinta; veja os potes
Para os aficionados por futebol europeu, chegou um dos dias mais legais do ano. O sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões acontece nesta quinta-feira, no Forum Grimaldi, em Mônaco, numa cerimônia que também vai premiar os melhores da temporada para a Uefa. O GloboEsporte.com acompanha tudo a partir das 13h (de Brasília).

Como em todos os anos, a possibilidade de um “grupo da morte” anima os espectadores. Os clubes estão divididos em quatro potes de acordo com o coeficiente da Uefa, com exceção do primeiro, formado pelos campeões das ligas mais bem ranqueadas e os dois vencedores continentais (Liverpool na Champions e Chelsea na Liga Europa).

Potes dos sorteios da Liga dos Campeões da Uefa 2019/20 — Foto: Infoesporte
Potes dos sorteios da Liga dos Campeões da Uefa 2019/20 — Foto: Infoesporte

Há duas restrições já conhecidas: times do mesmo país não se enfrentam, assim como clubes do mesmo pote (russos e ucranianos também não duelam nesta fase por questões políticas). Assim, poderíamos ter, por exemplo, um grupo formado por Liverpool, Real Madrid, Inter de Milão e RB Leipzig. Ou outro com Zenit, Benfica, Dínamo Zagreb e Slavia Praga.

Cabe às bolinhas definir o caminho ao menos até dezembro. A final acontece no dia 30 de maio, em Istambul.
Cristiano Ronaldo, Messi ou Van Dijk para melhor jogador do ano da Uefa? — Foto: Infoesporte

Messi, Van Dijk ou Cristiano Ronaldo?


Cristiano Ronaldo, Messi ou Van Dijk para melhor jogador do ano da Uefa? — Foto: Infoesporte

O trio de respeito concorre ao Jogador do Ano da Uefa. Messi e Van Dijk parecem estar à frente de Cristiano Ronaldo por conta do desempenho, embora Cristiano Ronaldo tenha vencido a Liga das Nações com a seleção portuguesa após a temporada de clubes.

O prêmio leva em consideração as atuações de agosto de 2018 a julho de 2019, tanto em nível de clubes, quanto de seleção. Ao todo, participaram os 80 treinadores que representaram seus times na fase de grupos da Liga dos Campeões (32) e Liga Europa (48) mais 55 jornalistas selecionados pelo grupo European Sports Media (ESM).

Outras premiações serão reveladas nesta quinta, com um brasileiro entre os favoritos. Veja:

Goleiro da temporada: Alisson Becker, Hugo Lloris, Marc-André ter Stegen
Defensor da temporada: Trent Alexander-Arnold, Matthijs de Ligt, Virgil van Dijk
Meio-campista da temporada: Frenkie de Jong, Christian Eriksen, Jordan Henderson
Atacante da temporada: Sadio Mané, Lionel Messi, Cristiano Ronaldo
Jogadora do Ano: Lucy Bronze, Ada Hegerberg, Amandine Henry
Veja os potes para o sorteio da Liga dos Campeões:

Pote 1
Liverpool (Inglaterra)
Chelsea (Inglaterra)
Barcelona (Espanha)
Manchester City (Inglaterra)
Juventus (Itália)
Bayern (Alemanha)
PSG (França)
Zenit (Rússia)

Pote 2

Real Madrid (Espanha)
Atlético de Madrid (Espanha)
Borussia Dortmund (Alemanha)
Napoli (Itália)
Shakhtar (Ucrânia)
Tottenham (Inglaterra)
Ajax (Holanda)
Benfica (Portugal)

Pote 3

Lyon (França)
Bayer Leverkusen (Alemanha)
RB Salzburg (Áustria)
Olympiacos (Grécia)
Club Brugge (Bélgica)
Valencia (Espanha)
Inter de Milão (Itália)
Dínamo Zagreb (Croácia)

Pote 4

Lokomotiv (Rússia)
Genk (Bélgica)
Galatasaray (Turquia)
RB Leipzig (Alemanha)
Slavia Praga (República Tcheca)
Estrela Vermelha (Sérvia)
Atalanta (Itália)
Lille (França)

De La Cruz retorna à concentração do River Plate após ser detido pela polícia paraguaia

De La Cruz retorna à concentração do River Plate após ser detido pela polícia paraguaia
O meia Nicolás De La Cruz já retornou à concentração do River Plate, em Assunção, após ser detido pela polícia paraguaia na manhã desta quarta-feira. O jogador uruguaio, irmão do santista Carlos Sánchez, prestou depoimento por conta da acusação de agredir dois policiais quando defendia o Liverpool, do Uruguai, num duelo contra o São Paulo pela Copa Libertadores sub-20 há três anos.

De La Cruz ainda não se livrou da acusação, mas está agora disponível para duelo contra o Cerro Porteño, nesta quinta-feira, em Assunção, pela volta das quartas de final da Libertadores. Segundo a imprensa paraguaia, ele terá que pagar uma multa e voltar ao país em três meses para novos esclarecimentos.

- O jogador não estava ciente da causa. O crime não é grave, foi complicado por uma desinformação. A situação é surpreendente – afirmou Diego Tuma, advogado do jogador, à emissora TyC Sports.

Segundo Adrián Leiza, assessor jurídico de Liverpool-URU, o imbróglio é muito estranho.

- Não é lógico o que está acontecendo com De la Cruz. A justiça paraguaia nunca se comunicou com o Liverpool. Fiz a defesa do Liverpool na época e a Conmebol arquivou o caso. É incomum o que acontece. Eu estava lá e não nada aconteceu. Foi uma briga entre garotos – afirmou o advogado.

Confira abaixo ao incidente do qual Nicolas de La Cruz é acusado. Tudo ocorreu no dia 14 de fevereiro de 2016, quando o Liverpool enfrentou o São Paulo pela Copa Libertadores Sub-20. Dias depois, Nicola de La Cruz e outros quatro jogadores do Liverpool foram autuados, à época, por “resistência à autoridade”. No entanto, todos já estavam fora do Paraguai.

Cerro Porteño e River Plate se enfrentam na quinta-feira, dia 29, às 19h15, com transmissão ao vivo em tempo real do GloboEsporte.com. Na partida de ida, semana passada, o River venceu por 2 a 0 em Buenos Aires.
De La Cruz e Enzo Perez no jogo de ida contra ao Cerro no Monumental — Foto: Reuters

Após vistoria, Palmeiras vai pagar por 66 cadeiras quebradas no estádio do Pacaembu

O Palmeiras vai pagar pelas cadeiras quebradas no estádio do Pacaembu, na noite da última terça-feira após a partida contra o Grêmio, em jogo válido pela volta das quartas de final da Libertadores.

A Secretaria Municipal de Esportes e Lazer da cidade de São Paulo divulgou na tarde desta quarta-feira que 66 assentos foram danificados. A vistoria foi acompanhada por um funcionário do Verdão, o que é comum após partidas palmeirenses no estádio.


Cadeiras quebradas no estádio do Pacaembu — Foto: Ana Canhedo

As cadeiras já foram substituídas pela administração. O local recebe nesta quinta-feira um amistoso entre as seleções femininas do Brasil e da Argentina, às 21h30 (de Brasília).

O Palmeiras precisou mandar a partida contra o Grêmio no Pacaembu por causa da agenda de shows da arena. O complexo recebeu no fim de semana dois dias de atração da dupla Sandy & Júnior.

Morre o paraguaio Nicolás Leoz, ex-presidente da Conmebol

O paraguaio Nicolás Leoz, ex-presidente da Conmebol, faleceu nesta quarta-feira, em Assunção, após sofrer um infarto, segundo informações da imprensa paraguaia. Leoz tinha 90 anos e estava internado no Sanatorio Migone, hospital de sua propriedade, na capital paraguaia.

Nicolás Leoz ex-presidente da Conmebol indiciado Fifa — Foto: REUTERS/Jorge Adorno
Nicolás Leoz ex-presidente da Conmebol indiciado Fifa — Foto: REUTERS/Jorge Adorno

Ainda de acordo com o ABC Color, o estado de saúde de Leoz estava piorando devido a um linfoma cancerígeno detectado recentemente. Debilitado, o ex-dirigente não resistiu a um infarto.

Presidente da Conmebol entre 1986 e 2013, Leoz foi acusado de diversos crimes de corrupção no Caso Fifa, deflagrado em maio de 2015 e que resultou na prisão de alguns dos mais importantes dirigentes de futebol da Conmebol e da Concacaf.


Leoz passou os últimos anos em prisão domiciliar no Paraguai, com problemas de saúde. Desde 2015, os Estados Unidos pediam sua extradição a autoridades paraguaias, mas o ex-presidente da Conmebol conseguiu permanecer no país graças a recursos judiciais.

Por influência de Leoz, a sede da Conmebol, em Luque, zona metropolitana de Assunção, virou território diplomático, onde a polícia e o Ministério Público paraguaios não tinham acesso. Essa situação só mudou em 2016, devido ao Caso Fifa.

Nicolás Leoz dá nome ao estádio do Libertad, clube do qual foi presidente entre 1968 e 1971. Depois, o dirigente foi presidente da antiga Liga Paraguaia de Futebol (atual Associação Paraguaia de Futebol), de 1971 a 1986, quando assumiu o comando da Conmebol.

quarta-feira, 28 de agosto de 2019

PSV e Frankfurt mostram interesse e fazem consulta por Luan, do Grêmio

PSV e Frankfurt mostram interesse e fazem consulta por Luan, do Grêmio
A reta final da janela de transferências promete muitas conversas para a direção do Grêmio. Além de Everton, um dos alvos no mercado é o atacante Luan. Dois clubes entraram na briga com o Atalanta e também fizeram consultas pelo camisa 7: o Eintracht Frankfurt, da Alemanha, e o PSV, da Holanda. Ainda não há nenhuma proposta oficial.

Ambos iniciaram contatos e trabalharam os números pretendidos pelo Tricolor, que aceitaria um negócio na casa dos 15 milhões de euros (R$ 69 milhões, na cotação atual). O empresário de Luan, Paulo Pitombeira, está na Europa para finalizar a ida do centroavante Arthur Cabral, do Palmeiras, para o Basel, da Suíça. E também gerencia os contatos ao gremista por lá.

A concentração do Grêmio em São Paulo, onde o time se prepara para enfrentar o Palmeiras, serve de ponto de encontro para conversas. O vice de futebol Duda Kroeff, os diretores Alberto Guerra e Deco Nascimento e o executivo Klauss Câmara se reuniram com empresários no saguão do hotel. O empresário de Everton, Marcio Cruz, também circulava pelo local.

Luan foi um dos destaques da vitória por 2 a 1 sobre o Athletico, no último sábado, quando anotou o primeiro gol na Arena e ultrapassou a marca do técnico Renato Gaúcho na lista de artilheiros do Grêmio. Os clubes interessados no atacante têm até o dia 2 de setembro, data do fechamento da janela de transferências, para concluírem negociações.

Sem espaço no Sevilla, Guilherme Arana é emprestado à Atalanta

Guilherme Arana está de saída do Sevilla. O lateral-esquerdo brasileiro, recém convocado para a seleção olímpica, jogará a atual temporada na Atalanta, da Itália, depois de os clubes chegarem a um acordo por empréstimo.

Já havia a expectativa de que Arana deixasse o clube espanhol nesta janela por estar fora dos planos do técnico Julen Lopetegui. Ele estava treinando em horários alternativos enquanto aguardava uma definição.
Guilherme Arana fez apenas 25 jogos com a camisa do Sevilla — Foto: Getty Images

Guilherme Arana fez apenas 25 jogos com a camisa do Sevilla — Foto: Getty Images

Segundo o jornalista italiano Gianluca Di Marzio, a Atalanta terá opção de comprar Arana por um valor entre € 8 milhões e € 9 milhões de euros (até R$ 41,4 milhões na cotação atual). O Sevilla pagou € 11 milhões para tirá-lo do Corinthians em janeiro de 2018.

Na Espanha, Arana disputou apenas 25 jogos em um ano e meio, sendo 20 como titular. Ele terá a oportunidade de jogar a Liga dos Campeões com a Atalanta, terceira colocada na última edição do Campeonato Italiano.